UniverCidade: alunos voltam a acampar a calçada do prédio da reitoria

Galileo Educacional envia comunicado aos professores, pedindo-lhes desculpas pelo atraso no salário de março e, sem nenhuma previsão de paga...

Galileo Educacional envia comunicado aos professores, pedindo-lhes desculpas pelo atraso no salário de março e, sem nenhuma previsão de pagamento os convida a voltarem a trabalhar.

Imagem: OPINÓLOGO / Diego Francisco

Novos cartazes foram colados na fachada
Estudantes da UniverCidade, no Rio de Janeiro, voltaram a acampar a calçada do prédio da reitoria, no Centro, para mais uma noite de protestos, nesta segunda-feira (21/5), contra a falta de pagamento dos professores que, consequentemente, os têm deixado sem aulas. Um grupo de alunos se organizou para dormir no local, levando barracas (foto) e comida. Eles já tinham feito isso na madrugada da última quinta para sexta-feira (18), mas decidiram interromper no sábado, por causa da falta de segurança, porque no fim de semana a Rua Sete de Setembro – onde se localiza o prédio do Grupo Galileo Educacional – fica muito vazia.

Por volta das 19h desta segunda-feira (21), um novo grupo de alunos voltou a conversar com o novo reitor, Fernando Braga, quem teria, supostamente, dito aos presentes que não poderia, por enquanto, fazer nenhum tipo de promessa, mas que a faculdade tentaria realizar um novo pagamento aos professores até a próxima quarta-feira (23), quando ocorrerá uma assembléia no sindicato da categoria (Sinpro-Rio). Além disso, o reitor teria dito que iria tentar enviar – sem fazer promessas – a essa assembléia um representante, para que pudesse esclarecer as dificuldades de pagamento. Quanto à recuperação do semestre, teria dito que este primeiro se estenderia até agosto, aproximadamente. Um novo calendário só seria divulgado, quando as aulas recomeçassem.

O senhor Braga teria dito aos alunos que se sentiu desrespeitado, pelo fato de um grupo o terem seguido até o estacionamento, na última sexta-feira (18), sob vaias e xingamentos. A conversa durou quase três horas.

Algum tempo depois que a reunião acabou, o reitor desceu e foi falar com os demais alunos por mais ou menos uns 20 minutos. Com uma voz bem baixinha, disse que o momento era de união e que o principal objetivo era a volta às aulas.

Galileo Educacional assume que está devendo aos professores

O grupo gestor enviou e-mails aos professores, nesta segunda-feira (21), se desculpando com eles e com os estudantes e reconhecendo publicamente, em nota, que está devendo o pagamento de março e a alguns fornecedores. A única coisa estranha é que a mesma, embora esteja no site, não tem até o momento nenhum atalho na primeira página, para que se pudesse ser visto. Quanto ao salário de abril, que estava sendo parcelado, não se sabe se todos os docentes já teriam recebido. Segue o comunicado na íntegra:

“COMUNICADO À COMUNIDADE ACADÊMICA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DA CIDADE

Considerando os acontecimentos do primeiro trimestre de 2012, que culminou com a falta de pagamento do salário de março e de alguns fornecedores, informamos:

Foram revistos os processos de gestão que redundaram numa sequência de fatos negativos ao projeto GALILEO EDUCACIONAL. No início de maio, o Professor Ms. Marcio André Mendes Costa se desligou das funções executivas e educacionais que passaram a ser geridas por um Colegiado composto por quatro diretorias, a saber: Diretoria Financeira, Diretoria de Relações com Investidores, Diretoria de Operações e Diretoria de Regulação e Controle, assumindo a presidência do Colegiado o novo diretor financeiro, o Sr. Carlos Peregrino, e na área educacional foi nomeado pelo Colegiado o novo Reitor, o Professor Doutor Fernando Vieira Braga.

A principal missão do Colegiado é restabelecer a ordem financeira no menor tempo possível, de forma a resgatar a credibilidade e confiança de todos, seja funcionário direto ou indireto, assim como o corpo docente e discente.

Como primeira medida, o Colegiado estruturou um novo plano de contas, priorizando o pagamento de salários e despesas com infraestrutura, para que não mais ocorram os problemas vividos nos primeiros cinco meses do ano.

Sabemos do pouco tempo para resolver essas questões e que medidas saneadoras Precisam ser implementadas. Nesse sentido, o Colegiado está determinado e coeso em sua missão de restabelecer a ordem financeira e de buscar novas soluções de mercado que permitam a capitalização da UniverCidade, nos mesmos moldes realizados no ano passado.

Vale lembrar que, no início de 2011, a GALILEO iniciou um processo bem sucedido de captação de recursos em parceria com a Universidade Gama Filho junto ao mercado financeiro e reverteu esse recurso na implementação de um novo processo de gestão naquela Universidade.

Por sua vez, no segundo semestre do mesmo ano, com novo apoio financeiro, a GALILEO alavancou recursos de menor monta junto a parceiros financeiros para proporcionar um ajuste inicial no fluxo de caixa da UniverCidade.

Em ambos os casos, os recursos aportados permitiram colocar em dia as obrigações operacionais e financeiras. No tocante a área educacional, como não podia deixar de ser, um novo plano de ensino foi elaborado para poder ajustar as duas instituições à nova realidade de sustentabilidade, tendo como alvo a melhoria em infraestrutura e na qualidade do ensino.

Como resultado de todo esse esforço, o ano de 2011 trouxe muita esperança a todos, mas os acontecimentos dos últimos meses geraram uma expectativa reversa, redundando na deflagração de uma paralisação dos professores, demonstrando a insatisfação com a mudança de rumo e a falta de perspectiva sobre o futuro da UniverCidade.

Essa falta de perspectiva permitiu que se especulasse sobre diversos temas e, nesse aspecto, temos a informar que o momento vivido foi reflexo de elevada demanda de investimento em infraestrutura no curtíssimo prazo, em razão de muitos cursos apresentarem instalações defasadas e os boatos decorrentes desse aperto no fluxo de caixa, quaisquer que sejam, são improcedentes ou mesmo inconsistentes, basta observar todo o esforço feito desde o ano passado para nivelar as duas instituições em prol da unificação em futuro próximo.

Vale esclarecer que esse esforço de nivelamento não esteve restrito a questões de infraestrutura, também se estendeu à área educacional e até de pessoal, com a estruturação de um novo plano de cargos e salários a ser implantado no momento oportuno.

Sabemos também que decisões foram tomadas e que algumas geraram grande descontentamento, mas esse é um tempo sem retorno. Agora, resta-nos aprender com os erros do passado. Hoje vivemos uma crise de confiança, com certeza a pior de todas as crises, pois supera as questões materiais e, sobretudo, nos faz perder a esperança de um futuro melhor.

Neste aspecto, a criação do Colegiado prima pelo resgate desse estado de confiança com uma abordagem equilibrada e apurada na busca de soluções que recuperem a ordem financeira no curto prazo e, por meio de ações concretas, restabelecer o elo de entendimento com os coordenadores e professores.

Este é um tempo de trabalho árduo, porque estamos chegando ao final do semestre tendo de saldar duas folhas de pagamento do corpo docente e, ao mesmo tempo, temos que restabelecer junto ao nosso corpo discente a confiança de que tudo será restabelecido com máxima urgência possível, de forma que não faltem mais insumos e segurança em nossos Campi, dentre outras providências de cunho organizacional.

Para isso, optamos por restringir a terceirização de serviço, de forma a resgatar a qualidade necessária e ao mesmo tempo privilegiar nossos professores e dar oportunidade de trabalho aos nossos alunos por meio do fomento de nossas empresas juniores, uma vez que temos cursos nas diversas áreas do conhecimento capazes de dar o apoio técnico e operacional necessário às nossas atividades.

Outras medidas na área educacional também serão implementadas a curto prazo, no sentido de restabelecer a ordem institucional e isso será feito em conjunto com todas as instâncias da área acadêmica, de forma a preservar os esforços empreendidos desde o início do projeto.

Quanto ao estado de paralisação das aulas, entendemos que os pleitos são legítimos, entretanto, da forma como essa paralisação vem sendo conduzida se percebe contornos políticos sem resultado positivo para nenhum dos lados. Salário é uma obrigação e não se discute. Os docentes não precisam de qualquer representatividade para dizer isso, porém, as atitudes de imposição da paralisação, intimidando e retirando os professores de sala de aula, perderam o sentido e o maior prejudicado com essa situação é o estudante.

Podemos afirmar que estamos diante de um momento crítico jamais vivido nos últimos anos, razão pela qual carece de muita reflexão e neste aspecto, independente de condicionar ao pagamento da folha, o retorno às aulas deve ser visto como elemento vital da perenidade do próprio espaço de trabalho.

Diante do exposto, conclamamos os professores a retornar às aulas ao longo da semana. Da nossa parte, está garantida a segurança e bem estar de todos que retornarem às suas atividades acadêmicas. Não permitiremos mais qualquer ação ou constrangimento com os professores que sempre devotaram dedicação ao trabalho em sala de aula.

Por fim, o colegiado constituído entende e formaliza o pedido de desculpas a todos os funcionários diretos e indiretos, bem como ao corpo docente e discente por todas as medidas que, de alguma forma, os remeteu a um quadro de desesperança. Afirmamos nosso empenho no resgate da confiança e na retomada dos trabalhos, certos da grandeza desta renomada Instituição de Ensino Superior, o Centro Universitário da Cidade.

GALILEO EDUCACIONAL
Diretoria Colegiada”

OPINÓLOGO fica com alguns pontos deste comunicado, que precisam ser observados: no décimo parágrafo, por exemplo, a instituição admite o desejo de unificar a UniverCidade com a Universidade Gama Filho (UGF), conforme negritado aqui por este jornalista que lhes escreve. Tal afirmação difere do que foi dito pelo ex pró-reitor – agora diretor de Operações – Wanderley Cantieri, no último dia 2 de maio, quando um grupo de estudantes e duas professoras se reuniram na reitoria. Depois de ter sido questionado por um dos presentes sobre a possibilidade de fusão, alegou que se tratava de boatos e que ambas continuariam separadas. Estava previsto para até o fim de janeiro passado a fusão entre as duas faculdades, mas isso não aconteceu ainda, por depender da aprovação do Ministério da Educação (MEC).

Já o terceiro parágrafo, a mesma fala em recuperar a credibilidade e confiança de alunos e funcionários. Esse inverso, possivelmente, só ocorreu devido a uma comunicação não muito estratégica, que deveria ter sido traçada há mais tempo com uma política de maior transparência que pudesse realmente dar mais esperanças aos professores. Porque, em determinados momentos promessas de pagamento teriam sido feitas e suas datas, não cumpridas. Também é fundamental resgatar a credibilidade junto ao mercado, pois tanto a UniverCidade quanto a UGF têm um nome a zelar, já que oferecem alguns dos cursos mais conceituados do Rio de Janeiro, quiçá, do Brasil, tais como Turismo e Medicina, respectivamente.

No sétimo parágrafo, a instituição fala em parceiros financeiros, contudo sem mencionar quem seriam. Um deles subentende-se que seria o Banco Mercantil do Brasil, no qual os docentes tiveram que abrir contas bancárias, recentemente, para receber seus pagamentos.

COMMENTS

BLOGGER: 7
Loading...
Nome

2010,7,2011,1,2012,5,2013,1,2014,41,2015,9,2016,21,2017,3,2018,7,450 anos,1,4G,1,50 anos,1,7 de setembro,1,80 anos,1,A Marcha dos Infames,1,Aborto,9,Abranet,1,Acre,2,Adenor Gonçalves,5,Adidas,2,Adolescência,3,Adriana Ancelmo,1,Aécio Neves,14,Aeroporto Tom Jobim,1,África,4,África do Sul,4,Agronegócio,3,Água,5,Água potável,1,Águas do Rio,1,Aids,2,Alberto Cantalice,3,Alberto Nisman,7,Alejandro Maldonado Aguirre,1,Alejandro Toledo,1,Alemanha,4,Alerj,40,Alesp,5,Alessandro Molon,3,Alexandre Cardoso,1,Alexandre de Moraes,1,Alexis Tsipras,4,Aliança Batista,1,Alicia Kirchner,1,Alto do Paraíso (RO),1,Álvaro Uribe,1,Amazonas,4,Ambulantes,1,América Central,4,América Latina,128,Amijubi,1,AMLO,2,Amor à Vida,1,Amor e Revolução,1,Analfabetismo,1,Anatel,8,Andes,1,Angola,1,Angra dos Reis,1,Anhanguera Educacional,1,Animais,3,Anistia Internacional,1,Aniversário,6,Antonio Ledezma,7,Apagão,1,Aquecimento global,1,Arábia Saudita,2,Arena Corinthians,1,Argentina,19,Argos,1,Arlei Rosa,2,Armênia,1,Arquidiocese,1,Article 19,1,Árvore de Natal da Lagoa,2,Ásia,16,Assembleia de Deus,1,ATUALIDADES,161,Aureo Lídio,1,Avaaz,1,Avenida Brasil,1,Avianca,1,Avon,1,Azul,1,Babilônia,1,Bahia,6,Baixada Fluminense,6,Banco do Brasil,2,Banco Itaú,1,Banco Mercantil,1,Band,2,Banda larga,5,Bangladesh,1,Barack Obama,6,Barcas,1,Bares e restaurante,1,Barra Mansa,2,Bayer,1,Beija-Flor,3,Belo Horizonte,3,Bento XVI,1,Bilhete Único,4,Black Bloc,1,Blecaute,1,Bolívia,8,Bolsa Família,3,Boni,1,Bonsucesso,1,Bossa Nova,1,Botucatu,1,Bradesco,6,Brasil,389,Brasília,11,Brazuca,1,BRF Brasil Foods,4,BUC,1,Buscador,1,Cabo Daciolo,8,Cabo Frio,1,Cabralfobia,1,Caetano Veloso,1,Caminhoneiros,2,Campos dos Goytacazes,1,Canadá,1,Câncer,2,Candomblé,1,Carlos Alberto Sardenberg,1,Carlos Lupi,2,Carlos Osório,1,Carmen Aristegui,1,Carnaval,13,Carnavalesca,1,Casamento gay,10,Catalunha,2,Caxias do Sul,2,CBF,3,CBMERJ,1,Ceará,9,Cebela,1,Cedae,10,Cederj,1,Celac,1,Celebridades,4,Celso Lisboa,2,Celso Russomano,1,César Maia,3,Cesva,3,CFM,1,CFP,2,Chapecoense,2,Chapeuzinho Vermelho,1,Chapolin,1,Chaves,1,Chávez,3,Chavismo,11,Cheias de Charme,1,Chico Xavier,1,Chile,16,China,11,Chuvas,1,CICAD,1,Cidade do Samba,1,Ciro Gomes,1,Clarissa Garotinho,1,Claro,3,Cláudia Leitte,1,Cleptocracia,2,CMRJ,3,CNBB,1,CNI,2,CNJ,4,Coaf,2,Coca-Cola,2,Código de Conduta,1,Colégio Pedro II,2,Colômbia,22,Combustível,2,Compaj,4,Complexo da Maré,7,COMUNICAÇÕES,21,Congresso,4,Conmebol,1,Consumidor,10,COP-15,2,COP-16,2,Copa,1,Copa América,1,Copa das Confederações,6,Copa do Mundo,33,Copacabana,3,Coreia do Norte,1,Coreia do Sul,2,Coronavírus,5,Correios,4,Corrupção,7,Costa Rica,2,Cota racial,1,Covid-19,1,CPI,12,Cremerj,2,Criança,3,Crime,8,Crimes na web,1,Criminalidade,1,Cristina Kirchner,10,Cristo Redentor,2,Crítica,1,Cuba,17,CULTURA,12,CUT,8,Dalai Lama,1,Daniel Ceballos,1,Daniel Guerra,2,Daniel Ortega,3,Danilo Gentili,3,DEM,6,Democracia,4,Dica,2,Dicionário inFormal,1,Dilma Rousseff,110,Diploma,2,Direitos Humanos,41,Distrito Federal,7,Ditadura,2,Ditadura militar,4,Dom Pedro I,1,Dom Pedro II,1,Domino's,1,Donald Trump,14,Drogas,2,Duque de Caxias,6,Ecuavisa,2,Edir Macedo,5,EDITORIAL,6,Edson Fachin,1,Eduardo Bolsonaro,1,Eduardo Cunha,5,Eduardo Guimarães,1,Eduardo Paes,12,EDUCAÇÃO,339,Edward Snowden,1,Egito,2,Eike Batista,4,El Comercio,1,El Salvador,1,Eleições,49,Embratel,1,Emirados Árabes Unidos,1,EMS,1,Enem,20,Energia,3,Enrique Peña Nieto,7,Equador,9,Escola da Rua,1,Escola Municipal Friedenreich,3,Escolas de Samba,1,Escravidão,1,Escravos de Jó,1,Espanha,6,Espírito Santo,6,ESPORTES,26,Estácio,35,Estado laico,2,Estados Unidos,46,Estudantes,1,Etiópia,1,Europa,17,Eutanásia,1,Evo Morales,5,Fabiane Maria de Jesus,1,Facha,1,Faculdade Alfacastelo,1,Faculdade Alvorada,7,Faculdade de São Roque,1,Fades,1,FAIPD,1,Fapan,1,Farc,5,Favela,3,Felipe Calderón,1,Fênix 2,1,Fernando Haddad,10,Fernando Henrique Cardoso,1,Fernando Lugo,4,Fernando Mac Dowell,1,FGV,1,Fidel Castro,1,Fifa,8,Flamengo,1,Flávio Bolsonaro,4,FMC,4,FMI,2,Força Sindical,2,Foro de São Paulo,3,Fortaleza,2,França,1,Francisco Dornelles,3,Francisco I,3,Fuleco,5,Funk,2,Funkódromo,1,Futebol,14,Galileo Educacional,219,Garotinho,5,Gay,14,Geraldo Alckmin,2,Gilberto Gil,1,Globovisión,1,Glória Perez,2,Goiás,2,Google,8,Google AdWords,2,Grécia,8,GRES Estácio de Sá,2,GRES Grande Rio,1,GRES Império Serrano,2,GRES Mangueira,3,GRES Paraíso do Tuiuti,2,GRES Portela,3,GRES São Clemente,1,GRES Unidos da Tijuca,2,Greve,11,Gripe,2,Groupon,1,Grupo de Lima,2,Guanambi,1,Guapimirim,5,Guarda Municipal,2,Guatemala,7,Guido Mantega,1,Guiné Equatorial,1,Haiti,3,Halloween,1,Harry Potter,1,Heello,1,Heinz,1,Heitor Schuch,1,Henrique Capriles,4,Hillary Clinton,2,HIV,1,Holocausto,1,Homofobia,2,Homossexualidade,2,Honduras,6,Hong Kong,2,Horário de verão,5,Hospitais,1,Hotel Urbano,1,Hoy Ecuador,1,HPV,1,HRW,3,Huatabampo,1,Hugo Chávez,24,Humor,2,Hypermarcas,1,Idec,1,Iêmen,1,Igreja Católica,10,IMPD,2,Impeachment,7,Imperatriz Leopoldinense,1,Imposto de Renda,4,Imprensa,2,Indenização,1,Independência,1,Índia,5,Indiana,1,Índio da Costa,1,Indonésia,9,Infobae,1,INFORMAÇÃO ÚTIL,12,Inglaterra,4,Ingrid Betancourt,1,Inocência do Islamismo,1,Insaes,1,Internet,23,Irã,4,Iraque,1,Irlanda,1,Islamismo,4,Israel,4,Itaguaí,2,Itália,1,Itamaraty,2,Iuperj,1,Iurd,10,Jabulani,1,Jacob Zuma,1,Jair Bolsonaro,22,Jamal Khashoggi,1,Jandira Feghali,2,Japão,1,JBS,12,Jean Wyllys,3,Jennifer Lopez,1,Jesus Cristo,1,Jimmy Morales,1,João Dória Jr.,3,Joaquim Barbosa,3,Joesley Batista,1,Jogos,1,Jogos da Baixada,1,Jogos Olímpicos,11,Jornal Cruzeiro do Sul,1,Jornal do Brasil,1,Jornalismo,16,Jornalismo opinativo,11,José Alencar,1,José Antonio Dias Toffoli,2,José Dirceu,4,José Eduardo Cardozo,1,José Genoíno,1,José Luiz Datena,1,José Mojica,1,José Mujica,7,José Serra,2,José Sócrates,1,Joyce Ribeiro,1,Juan Guaidó,1,Juan Manuel Santos,7,Julian Assange,2,Kelly Serra,1,Kroton,11,Lei 43.057,1,Lei 8.069/90,1,Lei 8.078/90,2,Lei 9.504/97,1,Lei da Palmada,1,Lei Menino Bernardo,1,Leopoldo López,10,Liberdade de expressão,16,Light,1,Limonada,1,Língua Portuguesa,1,Livros,2,Lixo,1,Lobão,1,Lobo-mau,1,Luciano Mota,2,Luis Almagro,3,Luiz Fernando Pezão,20,Luiz Sérgio,2,Lula,44,Lumay Barreto,1,Maconha,4,Magé,1,Manuel Zelaya,3,Maomé,1,Maracanã,3,Maranhão,1,Marcela Temer,1,Marcelo Aguiar,1,Marcelo Crivella,17,Marcelo Freixo,6,Marcelo Madureira,2,Marcha da Família,1,Marcha para Jesus,1,Márcia Tiburi,1,Márcio Catão,2,Marco Civil da Internet,6,Marco Feliciano,7,Maria Corina Machado,2,María Corina Machado,2,Marina Rocha,2,Marina Silva,5,Marisa Formolo,1,Marisa Letícia,1,Marta Suplicy,1,Mate,1,Mato Grosso,2,Mato Grosso do Sul,1,Mayara Petruso,1,MBL,2,MEC,128,Medicamento,1,MEIO AMBIENTE,2,Meleca,1,Mensalão,9,Mercosul,6,Metrô,3,México,30,Michel Temer,51,Michelle Obama,1,Microsoft,6,Mídia,3,Minas Gerais,10,Mineiros,1,Ministério da Família,1,Ministério da Justiça,1,Ministério da Saúde,8,Ministério do Esporte,1,Ministério do Trabalho,1,Ministério Público,13,Miriam Leitão,1,Miss Universo,4,Mitt Romney,1,MNDH,1,Montes Claros,1,Moreira Franco,4,MPL,1,MST,9,Mudanças climáticas,1,MUNDO,209,Museu do Índio,3,Museu Nacional,1,Música,1,Natal,2,Natan Donadon,1,Natureza,1,Nazismo,1,NBC,3,Nepal,6,Néstor Kirchner,1,Net,1,Nextel,1,Ney Matogrosso,1,Nicarágua,8,Nicolás Maduro,36,Niterói,2,Nordeste,4,Noticiero y Opinión,1,Nova Zelândia,1,Novela,5,Novo,1,Novo site,1,Nuestro México del Futuro,1,Numerologia,2,O Boticário,1,O Globo,1,O Maior Brasileiro de Todos os Tempos,2,OAB,2,OAB-BA,1,OAB-CE,1,OAB-DF,1,OAB-PE,1,OCDE,1,Odebrecht,7,OEA,9,Oi,7,Ônibus,17,ONU,14,Opas,1,Operação Calabar,1,Operação Calicute,4,Operação Carne Fraca,9,Operação Conclave,1,Operação Eficiência,1,Operação Hades,1,Operação Lava-Jato,14,Operação Pausare,1,Operação Recomeço,4,Operação Tergiversação,1,Opinólogo,13,Opinólogo.com,1,Oração do Delegado,1,Ordem,1,Oriente Médio,3,Orlando Silva,1,Os Cavaleiros do Zodíaco,1,Osama Bin Laden,1,Otan,1,Otto Pérez Molina,4,Ozônio,1,P,1,Pai Nosso,1,PAÍS,76,Palestina,2,PAMC,2,Panamá,4,Papai Noel,1,Paperblog,1,Paquistão,3,Pará,2,Paraguai,8,Paraíba,2,Paraná,6,Passagem,4,Pastor Everaldo,1,Pastor Ezequiel Teixeira,1,Pastor Sargento Isidório,1,Pastor Sebastião,1,Paulinho da Força,3,Paulo Maluf,1,Paz,1,PC do B,6,PDT,1,Peccin Agroindustrial,1,Pedofilia,2,Pedro Fernandes,1,Pedro Paulo,2,Pemex,1,PEN,1,Pentecoste,3,Pernambuco,3,Peru,8,Petrobras,17,Petróleo,2,Petrópolis,2,PHS,1,Pitbull,1,Pizza,1,Plutão,1,PMB,1,PMDB,35,PNC,1,PNPS,9,Podemos (PTN),2,Polícia,10,POLÍTICA,231,Politicagem,1,Políticos,1,Polvilho,1,Porto Alegre,1,Porto Rico,2,Portugal,8,Portugal Telecom,1,Positivo,2,PP,6,PPS,3,PR,1,PRB,2,Preconceito,2,Previdência,4,Primeira Dama,1,Princesa Isabel,1,Procon-RJ,2,Procriação,1,Programa Mais Médicos,8,Protesto,22,ProUni,2,Provas,1,PRTB,1,PSB,5,PSC,6,PSD,1,PSDB,35,PSDC,1,PSL,2,PSOL,24,PSTU,1,PT,90,PTN,2,Publicidade enganosa,2,PUC-Campinas,1,PUC-Rio,1,PUC-SP,1,PV,1,QG da Propina,1,Rachel Sheherazade,5,Racismo,2,Rafael Correa,4,Randolfe Rodrigues,1,RCTV,2,Recife,1,Rede Globo,4,Rede Record,4,Rede Sustentabilidade,4,Redes Sociais,7,RedeTV!,1,Reforma da Previdência,3,Reforma Ortográfica,1,Reforma Trabalhista,2,Região Serrana,2,Registro.br,2,Reinaldo Azevedo,3,Reino Unido,4,Relações internacionais,1,Religião,39,Renan Calheiros,2,Repsol,1,República Dominicana,1,Ricardo Barros,1,Ricardo Fabris de Abreu,1,Ricardo Lewandowski,1,Ricky Martin,1,Rio de Janeiro,437,Rio Grande do Norte,2,Rio Grande do Sul,9,Rio Info,1,Ritonavir,1,RJ,12,Roberto Gómez Bolaños,1,Rocinha,2,Romário,6,Romero Jucá,1,Rondônia,1,Roraima,2,Rosinha Garotinho,1,Royalties,1,RSF,1,RTP,1,SAAE-RJ,14,Saint Seiya,1,Salário,3,Salve Jorge,2,San José,1,Sandro Matos,1,Saneamento básico,1,Santa Catarina,2,Santa Maria,4,Santo Antônio de Pádua,1,Santos Dumont,1,São João da Barra,1,São João de Meriti,1,São Paulo,47,São Pedro,1,São Sebastião do Alto,1,Sapezal,1,Saquarema,1,Saudação,1,SAÚDE,24,SBT,14,Seara,1,Segredo,1,SEGURANÇA,22,Semana Santa,1,Senac,18,Senado,5,Sepe/RJ,2,Ser Educacional,7,Sérgio Cabral,15,Sérgio Moro,5,Sergipe,1,Sete,1,Setec,1,Sexo,1,Shopping Nova América,2,Silas Malafaia,8,Sílvio Santos,1,SinMed/RJ,14,Sinpro-Rio,58,SIP,1,Sisu,2,Site,1,Sky,1,Sociedade Brasileira de Instrução,1,Solidariedade,3,Sony,1,Sophia Fernandes,1,Sorocaba,1,SP,3,STF,15,Sub-20,1,Suécia,1,Suesc,6,Suíça,2,Suipa,1,SuperVia,3,Tarcísio Motta,3,Táxi,1,Tecnologia,1,Teleamazonas,1,Telefonia,2,Teleton,1,Televisa,3,Telluride Foundation,1,Teori Zavascki,1,Teresópolis,3,Terra Empresas,3,Terremoto,25,Terrorismo,1,Tibete,2,Tim,4,Tiririca,3,Tirulipa,1,Titanic,1,TJRJ,2,Tocantins,1,Trabalho,4,Trânsito,1,TRANSPORTES,17,TRE-AL,1,TRE-RJ,2,Trem,4,Tsunami,3,Turquia,5,TV Aparecida,1,TVE,1,Twitter,1,Uber,1,UBM,1,Ucam,22,Uerj,6,Uezo,1,UFRJ,1,UFSM,4,Uganda,1,UGF,228,Unasul,7,UNE,8,Unesp,1,Unicamp,1,Uniesp,13,Unifieo,2,Unig,1,Unigranrio,4,Uninove,1,Unisuam,2,Unitau,1,UniverCidade,230,Universidade Brasil,1,Universidade Lusófona,1,Universidade Santa Úrsula,4,Universidades,3,Universidades federais,1,Univisión,4,Unoeste,1,Uol,1,UPP,4,Uruguai,10,UVA,23,Vacinação,4,Vaio,1,Valdemiro Santiago,2,Vaticano,3,Vatileaks,1,Veja,1,Velox,1,Venezuela,85,Vestibular,1,Vigilância Sanitária,1,Vinícius e Tom,1,Violência,3,Viradouro,1,Vivo,4,Votação,2,Washington Reis,4,Webesteira,1,Wikileaks,6,Wikipédia,3,Wilson Witzel,3,Wom,1,Woody Allen,1,Xuxa,2,Yoani Sánchez,1,YoSoy132Media,1,You Tube,6,YPF,1,Zito,3,Zuzeco,1,
ltr
item
Opinólogo - Jornalismo Opinativo: UniverCidade: alunos voltam a acampar a calçada do prédio da reitoria
UniverCidade: alunos voltam a acampar a calçada do prédio da reitoria
http://4.bp.blogspot.com/-m3vF50SfLgw/T7sqM7oMaaI/AAAAAAAAALc/cI9UOyzeH3E/s320/DSC06075.JPG
http://4.bp.blogspot.com/-m3vF50SfLgw/T7sqM7oMaaI/AAAAAAAAALc/cI9UOyzeH3E/s72-c/DSC06075.JPG
Opinólogo - Jornalismo Opinativo
https://www.opinologo.com.br/2012/05/univercidade-alunos-voltam-acampar.html
https://www.opinologo.com.br/
https://www.opinologo.com.br/
https://www.opinologo.com.br/2012/05/univercidade-alunos-voltam-acampar.html
true
5480391970516636544
UTF-8
Loaded All Posts Not found any posts VIEW ALL Clique para ver Responder Cancelar resposta Deletar By Home PAGES POSTS Clique para ver tudo sobre esta editoria Recomendada para você LABEL ARCHIVE Buscador ALL POSTS Not found any post match with your request Voltar para a Página Incial Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS CONTENT IS PREMIUM Please share to unlock Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy